Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog de uma miuda

Uma miúda adulta com coração de criança. Com amor à vida e a viver.

Blog de uma miuda

Uma miúda adulta com coração de criança. Com amor à vida e a viver.

"Laços que perduram" - Nicholas Sparks

Eu, fã de Nicholas Sparks, que decidi fazer resenhas recentemente, não poderia começar sem ele! O escritor que me marcou desde que o bichinho da leitura me picou.

 

Este livro fez parte das minhas leituras de verão que apenas consegui acabar agora, no meio do desespero do segundo ano de faculdade.

 

Este livro, é um romance (não fosse eu uma romântica incurável), que fala sobre Julie, uma rapariga que perdeu o marido. Este deixa-lhe um presente: Singer um cachorro amoroso que vai se apegar muito a Julie e ter uma relação próxima ao ponto de conseguirem se comunicar à sua maneira; juntamente com o cachorrinho o seu falecido marido deixou uma carta onde promete protege-la sempre. 
Após alguns meses, quando ela se sente pronta para recomeçar a sua vida e encontrar alguém: encontra Richard um aparentemente bom candidato a ocupar o lugar de namorado de Julie. Quando vê/sente que algo não esta bem acaba o relacionamento. Do seu lado teve, tem e terá o apoio incondicional de Mike, o melhor amigo do seu falecido marido Jim, e agora o seu melhor amigo também. Mike era apaixonado por ela, mas apesar de esse amor não ser correspondido, porque ela achava improprio e não o via dessa maneira, Mike estava sempre presente nos bons e maus momentos da sua vida.
Anos depois o amor entre os dois dá frutos e eles permitem-se iniciar essa nova aventura que era amar. Quando tudo parecia bem, Julie enfrenta o seu pior pesadelo, ou melhor o pesadelo de qualquer mulher, de qualquer pessoa - sobreviver à perseguição de um louco, um psicopata diria eu.

Nicholas Sparks, consegui num livro de romance incorporar, Drama, Suspence e um pouco de Terror diria eu, sem nunca deixar a categoria de romance ficar esquecido. Conseguiu deixar os leitores presos aquelas folhas, ansiosos de saber mais.

Foi um misto de emoções, como leitora, tenho por hábito me colocar no mesmo lugar das personagens e viver aquela história com elas, como se estivesse no banco da frente de um carro. Este livro fez-me rir, chorar, querer roer as unhas de nervoso, mas em momento algum eu quis parar, ou melhor, talvez quis por medo de a historia não ter o fim que eu gostaria, mas no fim, Nicholas Sparks conseguiu me fazer chorar novamente, com um fim inesperado e esperado ao mesmo tempo. 

 Laços que perduram é um livro fantástico para quem gosta de romance, mas também é um livro fantástico para quem não gosta, porque tem um pouco de tudo, uma variedade de contextos. Uma excelente leitura!

 

-Laços que Perduram, Nicholas Sparks

 

Sinopse:  Com apenas vinte e cinco anos, Julie Barenson tem já uma mágoa maior do que a vida: o seu querido marido, Jim, morreu.
Em plena noite de Natal, dilacerada pela perda, ela recebe os dois inesperados presentes que ele lhe deixou. É o típico ato de amor de Jim: não a esquecer nem por um segundo. É assim que Singer, um cachorrinho amoroso e assustado, entra na sua vida.
A acompanhá-lo vem um bilhete e uma promessa: Jim velará sempre por ela.
Quatro anos depois, Julie está preparada para começar de novo e Richard Franklin parece ser o homem ideal. Mas no seu íntimo, ela sente que algo está errado e termina a relação. A seu lado, incondicionalmente, está Mike Harris, o bondoso melhor amigo de Jim, o homem que a apoiou nos melhores e nos piores momentos. Ao longo dos anos, os sentimentos entre ambos floresceram e parece ter finalmente chegado o momento de viverem plenamente a sua paixão.
Mas quando a vida parecia sorrir-lhe de novo, Julie tem de enfrentar o pior dos pesadelos - sobreviver à perseguição de um louco.
Nesta comovente história de amor, perda e redenção, Nicholas Sparks ultrapassa os limites do romance ao pintar um quadro implacável dos sombrios desígnios da mente humana. Laços que Perduram é a derradeira prova da sua mestria.

Copyrighted.com Registered & Protected

2 comentários

Comentar post